PUBLICIDADE
Topo

Uma nova era: será possível rodar apps de iPad e iPhone diretamente no Mac

Guilherme Rambo

24/07/2020 04h00

Conforme anunciado na sua conferência para desenvolvedores, a Apple está iniciando mais uma transição histórica na sua linha de produtos. Desta vez, mudando os processadores dos Macs de Intel para Apple Silicon — seus processadores próprios — que já dão vida aos iPhones e iPads há um bom tempo.

Embora não se saiba muito sobre as características de hardware dos novos Macs com processador da Apple — prometidos para o final do ano — já sabemos muita coisa sobre o que será possível nessas máquinas em termos de software.

A empresa está distribuindo um kit para desenvolvedores testarem seus aplicativos nessa nova arquitetura. O kit consiste de um Mac Mini com um chip A12Z (o mesmo do iPad Pro 2020). Vale lembrar que esse kit de desenvolvimento não é um produto, sendo disponibilizado como "aluguel" apenas para alguns desenvolvedores selecionados.

Uma das boas novidades que virão nos Macs com chip da Apple é a possibilidade de rodar aplicativos de iPad e iPhone diretamente no Mac, sem que o desenvolvedor precise desenvolver uma versão específica. Por padrão, todos os apps disponíveis na App Store para iOS estarão também disponíveis na Mac App Store, mas desenvolvedores podem optar por remover seus apps da loja no Mac, caso eles não façam sentido na plataforma.

Por meio de alguns desenvolvedores que estão testando o novo sistema, podemos ver algumas imagens e informações sobre como os apps do iOS estão se comportando no Mac (imagem acima).

 

Tudo indica que os apps de iOS rodam muito bem no Mac com processador da Apple, especialmente aqueles desenvolvidos para o iPad e com suporte ao recurso de tela dividida. No caso dos apps de iPhone, eles rodam com uma janela menor, que tem uma proporção similar à tela de um iPhone.

Diversos ajustes de compatibilidade são aplicados pelo sistema nesses aplicativos de iPhone e iPad, dessa forma eles rodam muito bem, apesar de não terem sido pensados para o ambiente do Mac. Mesmo aplicativos mais complexos, como o Procreate, Adobe Draw e até mesmo o Pages da Apple, rodam muito bem no Mac.

Testes de performance

Embora o kit de transição para desenvolvedores não seja um Mac que a Apple venderá para os consumidores, é interessante observar a sua performance com relação aos Macs Intel atualmente vendidos.

Os testes realizados utilizando a ferramenta Geekbench mostram uma excelente performance do Mac com chip da Apple, com pontuação de 1098 no teste single-core e 4555 no teste multi-core.

É bastante improvável que a Apple lance qualquer Mac com chip A12Z para os consumidores. Na verdade, o que se espera é que os Macs a serem lançados no final do ano venham com a sua própria linha de processadores, feitos especialmente para o Mac, com uma performance ainda mais impressionante.

Imagens do post: 9to5Mac e Steve Troughton-Smith.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Guilherme Rambo é programador desde os 12 anos. Especialista em engenharia reversa, é conhecido mundialmente por revelar os segredos da Apple antes mesmo dos anúncios da empresa, além de programar para as plataformas da empresa.

Sobre o blog

Dos segredos escondidos nos códigos da Apple às tendências do mundo da tecnologia, o blog Entre Linhas aborda semanalmente os temas mais interessantes e atuais do mercado tecnológico sob o ponto de vista do programador Guilherme Rambo.